Pílula Contraceptiva

Tome a sua decisão e escolha um contracetivo moderno e eficaz. Pode navegar por entre uma seleção das pílulas contraceptivas mais populares do nosso website e escolher aquelas que melhor se adequam a si.

A história das pílulas contraceptivas começa na década de 40, quando se descobriu que as injeções de progesterona inibem de forma efetiva a ovulação em testes realizados em animais em laboratórios. Contudo, mais 20 anos passaram antes que as hormonas sintéticas se tornassem disponíveis à sociedade de massas.

As pílulas contraceptivas geralmente contêm hormonas sexuais sintéticas e utilizam a chamada progesterona de quarta geração – o que demonstra o quão avançado este ramo da indústria farmacêutica está. As pílulas contraceptivas modernas garantem quase 100% de eficácia contra a gravidez não desejada, quando são utilizadas de forma apropriada. Adicionalmente, representam um risco mínimo de efeitos secundários.

Testes clínicos demonstraram que as mulheres que tomam pílulas contraceptivas regularmente e ao longo de muitos anos têm um risco menor de contraírem cancro cervical, da mama e dos ovários. O nosso site oferece pílulas com múltiplos ingredientes (combinadas) e um só ingrediente (apenas com progesterona). A principal diferença entre ambas as opções é as hormonas que contêm (tais como estrogénio e progesterona) e a forma de administrar o tratamento. As pílulas contraceptivas combinadas orais (conhecidas como COCP) levam em consideração as alterações hormonais sofridas pelo corpo da mulher e por isso diferentes pílulas contêm uma quantidade variada de hormonas, que devem ser tomadas ao longo de 21 dias, período após o qual é necessária uma pausa de 7 dias. As pílulas de um só ingrediente (progesterona) contêm uma dose constante de hormonas, o que significa que devem ser tomadas diariamente, mesmo durante o período menstrual.

Deixamos-lhe o convite para verificar a nossa oferta e caso tenha alguma questão, sinta-se livre para usar o nosso chat online para nos questionar. Teremos todo o gosto em esclarecer todas as suas dúvidas.

Ovranette

Ovranette - without prescription

Ovranette é uma das pílulas contracetivas de dois componentes mais prescrita. Os comprimidos de Ovranette fornecem ao corpo equivalentes sintéticos das hormonas femininas – estrogénio e progesterona – que inibem a ovulação e também aumentam a viscosidade dos mucos localizado na cérvix e previnem alterações da membrana da cerviz, o que no caso de fertilização […]

Product details Buy now!
Marvelon

Marvelon - without prescription

Marvelon é um tratamento com dois ingredientes que protegem as mulheres contra uma gravidez indesejada de três formas diferentes. Os comprimidos de Marvelon contêm dois princípios ativos – etinil estradiol e desogestrel – que são análogos sintéticos das hormonas femininas: estrogénio e progesterona, respetivamente.

Product details Buy now!
Mercilon

Mercilon - without prescription

Os comprimidos contracetivos Mercilon foram classificados como produtos contracetivos modernos caracterizados pela sua atividade gentil e a alta eficácia e é por isso que este tratamento é, muitas vezes, prescrito como a pílula contracetiva para adolescentes e mulheres jovens. As hormonas incluídas nos comprimidos Mercilon são equilibradas de uma forma que não causam efeitos secundários […]

Product details Buy now!
Microgynon

Microgynon

Microgynon é uma dose única, um tratamento de dois componentes que contém etinilestradiol e levonorgestrel. As pílulas estão disponíveis em pacotes designados como Microgynon 21 e Microgynon 30. Nomes diferentes que não significam perda de qualidade. Dependendo do país de distribuição, o nome do produto serve de indicação do ciclo do número de dias de […]

Product details Buy now!

Qual é a função das pílulas contraceptivas?

As pílulas contraceptivas são substâncias farmacêuticas que geralmente contêm uma combinação de duas hormonas – estrogénio e progestágeno. A nomenclatura relacionada às hormonas utilizadas pode ser diferente, mas as suas regras de funcionamento são as mesmas. A aplicação de hormonas sinténticas é feita com o objetivo de alterar as condições do sistema reprodutivo, tornando a fertilização virtualmente impossível.

Atualmente não é segredo, que durante o ciclo menstrual ocorrem diversas mudanças no corpo da mulher. Isto conduz à libertação do ovo (ovolução) e prepara a mucosa do útero para permitir a implantação do óvulo fertilizado. O muco cervical fica menos denso, o que faz com que seja mais fácil para os espermatozóides penetratrem profundamente no útero.

As pílulas anticoncepcionais são um produto que permitiu que os investigadores aplicassem os muitos anos do seu trabalho, no mecanismo de fertilização. Abastecendo o mecanismo com hormonas sintéticas consegue-se manter o nível de hormonas estável, o que impede a ovulação (estrogenios) e evita as alterações que ocorrem na mucosa do útero. Adicionalmente, tornam o muco cervical mais denso, não permitindo que os espermatozóides consigam atravessar (progestogênio).

Quais são as vantagens de usar pílulas contraceptivas?

As pílulas contraceptivas não são apenas udas como uma proteção eficiente contra a gravidez indesejada, mas também são prescritas como um tratamento para aliviar os sintomas da TPM, menstruação e endometriose. A maioria das pílulas contraceptivas garante uma eficácia de cerca de 99%, o que torna a vida sexual mais confortável. As pílulas hormonais também são úteis para tratar sintomas problemáticos de acne, excesso de pele e síndrome dos ovários policísticos.

Foi cientificamente provado há pouco tempo que a utilização de longo termo de pílulas contraceptivas também permite reduzir o risco de cancro cervical, cancro dos ovários e cancro intestinal.

Quais são as desvantagens de usar pílulas contraceptivas?

O estrogénio sintético que se encontra nas pílulas anticoncepcionais pode ser o responsável por efeitos secundários inesperados, onde se inclui náuseas, hemorragias inesperadas entre a menstruação e sensibilidade mamária.

No caso de certos grupos de mulheres a aplicação de pílulas hormonais pode originar uma trombose. Por esta razão é muito importante preencher o nosso formulário de consulta antes de fazer uma encomenda. Isto permitirá que os nossos médicos possam receitar um produto que não cause efeitos secundários.

A utilização de pílulas antinconcepcionais também não é recomendada em casos de utilização de alguns tipos de tratamentos, pois pode ocorrer interação entre substâncias ativas. Isto pode levar a efeitos colaterais indesejáveis ou opde afetar a ação contracetiva dos comprimidos.

Quais sãos os tipos de pílulas contraceptivas?

Existem 30 tipos de pílulas anticoncepcionais hormonais disponíveis no mercado. Esta diversidade está relacionada principalmente com o facto de estes produtos poderem ser classificados de acordo com a sua quantidade de hormonas. Existem pílulas monofásicas e com vários ingredientes. As pílulas com um só ingrediente possuem uma quantidade constante de hormonas em cada pílula e são geralmente indicadas para mulheres que nunca usaram pílulas hormonais anteriormente. O funcionamento da pílula é baseada na alteração das caraterísticas do muco cervical, o que faz com que seja mais díficil para os espermatozoides penetrarem no sistema reprodutivo feminino.

A pequena quantidade de hormonas presentes nas pílulas de um só ingrediente também inibe a ovolução, mas apenas em 70% das mulheres. Devido a isto, estas pílulas são substancialmente menos eficazes do que as pílulas duais. No caso de fertinização, as hormonas usadas nas pílulas fazem com que a implementação do óvulo fertilizado seja mais dificil. Isto previne a progressão da gravidez.

As pílulas anticoncepcionais com múltiplos ingredientes possuem doses diversas de hormonios, as quais geralmente são indicadas por marcadores de cores. As hormonas utilizadas em pílulas com vários ingredientes produzem mudanças significativas no corpo da mulher, uma vez que foram desenvolvidas com o objetivo de produzirem alterações hormonais. O uso de pílulas anticoncepcionais com diversos ingredientes com diversos ingredientes inibe a libertação da hormona FSH, que evita que os folículos de Graff maturem e que assim evita a maturação dos óvulos. As hormonas também impedem a ovolução (a libertação do óvulo), alteração o conteúdo do muco cervical e previne a implantação do óvulo fertilizado. As pílulas contraceptivas com diversos ingredientes são caraterizadas por apresentarem quase 100% de eficácia na proteção com a gravidez não planeada.

Todas as mulheres podem usar as pílulas contraceptivas?

De uma forma geral, todas as mulheres que atingiram a idade legal adulta podem encomendar pílulas contraceptivas usando o nosso site. Contudo, elas são obrigadas a preencher um formulário de consulta médica antes de realizarem a encomenda, uma vez que existe uma lista de contra-indicações relacionadas com a utilização nas pílulas em certas condições médicas.As pílulas contraceptivas não deve ser usadas por mulheres fumadores, com obesidade, hipertensão ou com um historial familar de trombose. Nestes casos, o médico pode receitar as chamadas “minu-pílulas”, que contêm apenas progestogénio.

Se tiver questões ou dúvida, utilize o nosso chat de consulta onlone. Os nossos médicos irão esclarecer todas as suas dúvidas.